25 a 29 de MAIO DE 2021

Faltam

Ingresso Solidário da Bahia Farm Show 2015 entrega eletrocardiógrafo para o Hospital do Oeste

Publicado em: 07/10/2015 11:57:06

IMG_2020A maior unidade pública de saúde da região, o Hospital do Oeste, passa a contar com um novo eletrocardiógrafo, aparelho usado para a identificação de complicações cardíacas de alta complexidade. O equipamento foi comprado com a renda do Ingresso Solidário da Bahia Farm Show 2015, que também incluiu aparelhos de ar condicionado e cortinas de ar, somando um valor total de R$ 18 mil. A entrega da doação foi feita pelo presidente da Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), Júlio Cézar Busato, ao diretor do HO, Marcos Batista, na última terça (07). A solenidade de entrega também contou com a presença da assessora da Presidência da Aiba, Rosi Cerrato, e de funcionários do HO.

O equipamento deverá atender a uma média de 20 pacientes por dia e é pré-requisito para uma avaliação cardíaca. “O eletrocardiógrafo mede o traçado cardíaco. É usado para averiguar suspeita de infarto e risco cirúrgico, sendo essencial para o diagnóstico inicial do paciente”, explicou a Marina Barbizan, coordenadora da Enfermagem.

IMG_2023Segundo o diretor do HO, com a grande demanda de realização do exame de eletrocardiograma, o outro equipamento que o hospital possuía se desgastou com o tempo. “Este aparelho é muito usado dentro do hospital em todas as unidades como emergência e UTI. Por isso, um novo eletrocardiógrafo é tão fundamental”, disse Batista.

Os aparelhos de ar condicionado e a cortina de ar já foram instalados na clínica médica e cirúrgica, proporcionando mais conforto aos pacientes.

Para o presidente da Aiba, a escolha do Hospital do Oeste para receber esta doação é justificada por ser a maior unidade pública de saúde do Oeste baiano. “O HO recebe pacientes vindos de toda a região com as mais diferentes necessidades. Investir na melhora da infraestrutura da unidade, através dessa ação social, é importante para valorizar ainda mais a terra que nós escolhemos para trabalhar e viver”, afirmou Busato.

Ascom Aiba